Sábado, 18.06.11

Ontem como disse lá fui ao parque de vanicelos, em Setúbal jogar á bola com os putos... Foi uma tourada.

 

Antes de mais, a bola, ou melhor, as bolas porque todos eles têm de ter uma bola... que não largam! A minha frase quando vamos jogar futebol é "bola no chão, bola no chão!", eles estão mais pró raguebi que para o futebol, com o incoveniente que nnca chutam.

 

mas ontem só levei 2 bolas e pela primeira vez a coisa já mexeu mais um bocadinho... eeu e o pipo a jogar, a raquel a choramingar que estávamos a dar pontapés na bola da Hello Kitty, dela (não é tua, não é tua dizia ela) e o joão deitado em cima da bola para nós não roubarmos a sua bola do Mickey.

 

Quando a Raquel apanhava a sua bola da Hello Kitty iamos ter com o João e roubavamos-lhe a bola. E lá vinha o João e a Raquel a gritar "Não é tua. Não é tua!" Eu juro que estes dois são gémeos separados á nascença (4 anos de diferença), gostam das mesmas coisas, aliam-se contra todas as outras pessoas e falam da mesma forma (porque a Raquel com Trissomia 21 tem muitas dificuldades linguísticas).

 

Claro que a certa altura, e continuando na tradição do Raquebi já andava tudo à batatada!!! o pipo rouba a bola ao joão e dá-lhe um pontapé para que ele o largue e a raquel chega-se ao pipo e puxa-lhe o cabelo.

 

Acho que consegui uni-los a jogar 1 única vez... o joão não se convencia em largar a bola. Felizmente a raquel e o pipo começam a interiorizar as regras do jogo. E houve um momento, momento muito curto, coisa de 2 minutos em que tudo estava perfeito.

 

E a verdade é que valeram bem a pena. Para o fim, encontraram um árvore com raízes grandes exteriores e andaram a passear por cima delas, torneando os ramos da árvore, a árvore tinha um tronco dividido em 3 logo ao sair do solo. amaram. E fiquei muito surpreendida com a capacidade que a raquel demonstrou em contornar os ramos e encontrar soluções para continuar a seguir até ao fim das raízes visíveis que depois desapareciam no solo.

 

Claro que não queriam sair de lá... mas lá os convenci e confesso que cedi ao pedido deles de comer croquetes e rissois para o jantar... ups!

E ainda fiz esparguete vermelho a acompanhar e salada claro. Esparguete vermelho??? Uso corante alimentar vermelho. Compra-se no supermercado.

 

E com salsinhas grelhadas cortadas ás rodelas faço caras de pessoas, com o esparguete ou massa fussili o cabelo, cenouras para os olhos e tomate para a boca. Quando querem este prato maluco dizem "mamã faz uma cara".

 

E assim se passou a tarde de sexta feira.

 

xau,

Sofia

 

 

 

 

 

publicado por 80nuncamais às 17:55 | link do post | favorito

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Junho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
19
22
23
25
27
tags

todas as tags

favorito

...

últ. comentários
Estás como eu... aumenta, aumenta, aumenta... não ...
Rita - envie-me o seu mail e terei o maior prazer ...
As sementes de Chia podem encontrar-se em qualquer...
Onde compram as sementes de chia?
Bom dia!Gostaria de lhe fazer algumas perguntas so...
Gostei do que li, mas tem de ser mais animado. Que...
Bom diaA sua receita é muito boa mas cuidado com a...
A dor...Escrever faz bem. Não passa, não apaga nad...
Já experimentei receita parecida, fica muito bom n...
Posts mais comentados
blogs SAPO
subscrever feeds